quinta-feira, 23 de junho de 2011

PostHeaderIcon Comida da Amazônia: Tacacá

Olá queridas, tudo bem? Bom feriado para todas!! 4 dias em casa para descansar, que beleza! Esse feriado nao quis viajar, estava precisando ficar em casa sem sair, só descansando, dormir até mais tarde, ver a novela O Clone..hehehehehehe!!! Mas mamãe e papai foram e fiquei, já estou sentindo saudades, hehehe mas domingo chega logo. O tempo aqui no Rio está tão feio, chuvoso, friozinho...!!!! Tomara que eles aproveitem!!


Bem, acordei ainda pouco e já quis vir logo postar algo aqui pra vocês e vendo Ana Maria Braga, ela estava passando uma matéria sobre a Amazônia, e mostrou ua comidinha típica de lá o tacacá e eu fiquei ate com água na boca, pois já comi tacacá um tempo atrás, em Belém, terra natal da minha mãe e que fui conhecer alguns anos. Eu lembro perfeitamente do gosto dessa comida apesar de ser bem pequena , pois acredito que por ser uma comida deferente, forte, marcou minha vida e meu paladar, então tive a idéia de postar uma receita aqui para vocês, caso alguém não conheça.


Uma breve história do tacacá...



Tacacá é uma iguaria da região amazônica brasileira, em particular do ParáAcreAmazonasRondônia e Amapá. É preparado com um caldo fino e bem temperado geralmente com sal, cebola, alho, coentro do norte, coentro e cebolinha, de cor amarelada, chamado tucupi, sobre o qual se coloca goma de tapioca, também conhecida como polvilhocamarão seco ejambu. Serve-se muito quente, temperado com pimenta, em cuias. O tucupi e a tapioca (da qual se prepara a goma), são resultados da massa ralada da mandioca que, depois de prensada para fazer farinha, resulta num líquido leitoso-amarelado. Após deixado em repouso, a tapioca fica depositada no fundo do recipiente e o tucupi na sua parte superior.
Sua origem é dos indígenas paraenses e, segundo Câmara Cascudo, deriva de um tipo de sopa indígena denominada mani poi. Câmara Cascudo diz que “Esse mani poí fez nascer os atuais tacacá, com caldo de peixe ou carne, alho, pimenta, sal, às vezes camarões secos.”.

Receitinha...


Ingredientes:
  • 2 litros de tucupí
  • 4 dentes de alho
  • 1 colher (chá) de sal
  • 4 pimentas de cheiro
  • 2 maços de jambu
  • 1/2 kg de camarão salgado (seco)
  • 1/2 xícara (chá) de goma de mandioca
  • Pimenta de cheiro
  • Modo de Fazer:


  • Coloque em uma panela o tucupí, tempere com alho, chicória, alfavaca e sal.

  • Leve ao fogo e deixe levantar a fervura.

  • A seguir baixe o fogo, tampe a panela e deixe cozinhar por 30 minutos.

  • Cozinhe o jambu em água quente, deixe cozinhar até os talos ficarem macios, retire e escorra.

  • Reserve.

  • Retire a cabeça do camarão e deixe de molho em uma vasilha com água para retirar o sal.

  • Ferva 4 xicaras (chá) de água com sal à gosto, dissolva a goma em uma vasilha com água fria.

  • Acressente ao poucos na água fervendo, até ficar um mingau grosso, ou, ao ponto de sua preferência.

  • Sirva em uma cuia nesta sequência: duas colher de sopa de tucupí, uma concha de goma, uma concha de tucupí, algumas folhas de jambú e 5 camarões, sal e pimenta à gosto.

  • Na falta da goma de mandioca pode ser usada o povilho azedo.


  • Dica
    • Tucupi é um molho de cor amarela extraído da raiz da mandioca brava, que é descascada, ralada e espremida (tradicionalmente usando-se um tipiti).
    • Depois de extraído, o molho "descansa" para que o amido (goma) se separe do líqüido (tucupi).
    • Inicialmente venenoso devido à presença do ácido cianídrico, o líqüido é cozido (processo que elimina o veneno), por horas, podendo, então, ser usado como molho na culinária.

    Então amigas é isso aí, que vontade de comer, é muito gostoso. Espero que vocês gostem!


    Bjs e bom feriado.

    Andreia Braga

    9 comentários:

    "Manjares da Manu" disse...

    Parece ser muito bom!!!

    Bom feriado e um ótimo final de semana!!!

    Bjs...

    Duxa disse...

    Que maravilha Andrea, não conhecia, e achei essa sopa fantástica.
    Por aqui também é feriado, religioso.
    Beijocas.

    Andréa disse...

    DESCANSA BASTANTE AMIGA É MUITO BOM, MESMO!
    ESSE PRATO PARECE SER UMA DELÍCIA E DAR UMA SUSTÂNCIA, RSRS.

    BJS......

    Maísa disse...

    Nunca experimentei, mas deve ser boooom demais!beijkas e bom São João!

    Josy disse...

    Nossa amiga que prato porreta hehehe. Deve ser bem forte, substancioso e pelos ingredientes deve ser delicioso. fiquei com vontade....hehe...Gostei...bjokas

    Fabiana disse...

    Amiga,
    Não perco o Mais você nenhum dia, mas quando é feriado, acordo tarde..kkkkkk, e não consigo assistir por causa da correria do café da manhã.
    Perdi essa....
    ou melhor, não perdi, graças ao seu post.
    Já ouvi falar desse prato, mas nunca provei.
    Adorei conhecer um pouco mais dessa comida tipica da Amazonia.
    beijos e bom feriado

    Daniela U. disse...

    Oi Andréia td bem? Primeira vez que visito vc, mas sempre te via em alguns comentários, coincidência ou não, atualmente eu moro aqui no Pará meu marido é paraense rs e eu nasci em são Paulo. Eu adoro Tacacá eu digo que meu paladar é mais paraense do que o dele rs
    Adorei sua receita, qualquer dia vou tentar fazer. Adorei seu blog visitarei sempre. bjss

    Lela Holtz disse...

    Oi Andreia, confesso que não conhecia, na verdade, nunca tinha escutado falar em tacacá. Mas parece ser delicioso, qualquer dia eu sirvo aqui em casa.
    Adorei seu blog e me tornei seguidora. Visita o meu, se gostar pode seguir tb.

    http://lelaholtz.blogspot.com/

    Bjos,
    Lela.

    Bruna Freitas disse...

    oi..sou de BELÉM DO PARÁ, e não poderia deixar de comentar..O tacacá é uma iguaria maravilhosa,e como vcs preferem chamar de sopa, eu vou aceitar..rsrsr, mas não é , viu?!infelizmente muitas gente nao gosta ou não gostou do tacacá, porque o JAMBU, um tipo de erva/verdura, uma folha dá, quando vc come ela dá uma sensação de amortecimento na língua...kkkkk....mas não ruim, é ótimo!!! posso garantir... beijos.bruna.

    Postar um comentário